terça-feira, 5 de março de 2013

BARRADINHOS DE CROCHÊ PARA PANOS DE PRATO


Antes de mais nada, mais uma vez, esclareço que estou na alfabetização do crochê. Estes barradinhos foram feitos nos panos de prato bordados com coraçõezinhos de crochê mostrados no post anterior. Qualquer criatura, com mais intimidade com a agulha, certamente obterá resultados infinitamente superiores. Perdoem-me pois, a ousadia!

Ando praticando crochê com uma excelente professora russa: a Irina Astratenko. De quebra, estou tentando aprender a contar, pelo menos de 1 a 5, em russo... também tenho tentado adivinhar, se uma palavra que se pronuncia algo parecido com "curutchuco"  quer dizer “agulha de crochê” em russo... e o que será “pic-lú” ? Em suma, ando aprendendo crochê e me divertindo milhões com este idioma tão diferente do português.



Foi a Irina Astratenko quem me ensinou estes barradinhos . Se quiser, ela ensina para você também, aqui e aqui

Este outro barradinho segui um esquema publicado no blog da Érica  :


E, estes dois, aprendi com os paps da Maria Filomena aqui e aqui. Eles foram, propositalmente, tecidos em linha grossa pois eu queria um efeito mais rústico.



As professoras são ótimas e a aluna está interessada, então, vou me arriscando, praticando e, quem sabe, um dia - nem que seja na próxima reencarnação - chego lá !

9 comentários:

  1. OLÁ, COLEGA EGLÉA!
    ENCONTREI TEUS COMENTÁRIOS EM ALGUNS DOS BLOGS QUE SIGO E VIM PRESTIGIAR TEU CANTINHO. PARABÉNS PELOS LINDOS TRABALHOS! JÁ ESTOU TE SEGUINDO!
    EU LIDO COM CONFECÇÃO E RESTAURAÇÃO DE BONECAS, FAÇO RECICLAGENS E OUTRAS ARTEIRICES. CONVIDO-A A CONHECER E COMENTAR EM MEU HUMILDE CANTINHO E SE GOSTAR, SIGA-ME TAMBÉM. SERÁ UMA SATISFAÇÃO TÊ-LA POR LÁ, CARA CONTERRÂNEA!
    SOU MINEIRA "TAMÉIN, UAI"! SOU DE ELÓI MENDES, DEPOIS DE VARGINHA, CONHECE?
    E VOCÊ? DE ONDE É?
    BOM... DESEJO-TE UMA LINDA QUARTA E APAREÇA PRA COMENTAR MINHAS ARTEIRICES, CÊ VAI GOSTAR, PODE CRER!
    ABRAÇÃO PROCÊ E INTÉ MAIS VÊ! :)

    ResponderExcluir
  2. Egléa, desculpe a demora em cá vir, mas a minha ente está uma grandecíssima porcaria...cai a toda hora e pessoa de net dizem-me que é do computador..levei à medica dos computadores e lá a net funciona que én uma beleza...Moral da história: não é do computador...é da net cá do meu bairro mesmo!!!!!!.
    Mudando de assunto..Gostei imenso do seu post sobre barradinhos de crochet...vou visitar os endereços que menciona e aprender com a sra. russa. Digo que a arte não tem idioma....conseguimos aprender , mesmo em idiomas diferentes do nosso...Há dias visitei um site alemão - não entendo patavina de alemão -, mas aprendi a fazer uma necessaire vendo o vídeo da sra. alemã....

    um grande abraço e muito obrigada pelo carinho....

    beijos de MF

    ResponderExcluir
  3. Gostaria muito de compartilhar esses barradinhos. São tão lindos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esteja a vontade, Alice!
      Um abraço!

      Egléa

      Excluir
  4. oi,adorei o seu blog já estou te seguindo venha mim visitar.

    ResponderExcluir
  5. Uma graça seus paninhos, amei... Parabéns eu que espero de verdade aprender a fazer lindos barradinhos como os seus... Estou nos vidrinhos com capas de chochê, mas nos paninhos de prato estou apanhando.. beijus amada

    ResponderExcluir
  6. Eita menina caprichosa, na alfabetização do croche e já defendendo tese de mestrado, os teus croches estão divinos, parabéns. beijos

    ResponderExcluir
  7. PODERIA POSTAR PASSO A PASSO DO BIQUINHO VERDE,TEMTEI MAS NAO CONSEGUI.OBRIGADA DEUZA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deuza, desculpe mas, não poderei atende-la nos próximos posts. Como já expliquei várias vezes, aqui no blog, não sou crocheteira, apenas uma aprendiz. Um PAP é demorado e, agora (próximos meses) estou muito atarefada com os preparativos para a exposição dos panos de prato. Quem sabe no futuro? Lá, no blog da Erica (indiquei o link) é o gráfico nro 7, tente novamente, vá com calma que você consegue. Ele é fácil.
      Um abraço!

      Excluir

Obrigada pela visita!
Seu comentário é importante para mim!
Um abraço
Egléa